Do Imaginário


 Consulta para corrigir as dissertações do ENEM. E agora? Respondo que aceito?

E como não participar desse evento, em que já tive o prazer de estar por quatro vezes?

Prazer de professora que gosta de ler redações.  Pode parecer um prazer estranho. Mas, a experiência é muito gratificante. Seja pela possibilidade de acesso à produção escrita da população de adolescentes-quase universitários, seja pela convivência com colegas de profissão, num tempo não muito largo, mas suficiente para rir e trocar figurinhas. Não dá para regatear. Ainda que eu só possa corrigir por um período - e sempre se afirma que a prioridade é para quem corrige por dois- será muito bom de novo, se eu puder ler muitas redações, perceber a tessitura dos textos, tão variados em um mesmo tema...e encontrar os amigos, colegas de muitas etapas.  

A ilustração acima tem a ver com a enorme paisagem e beleza de uma só nota. Uma nota só, um grito, uma dor ou uma alegria intensa num imenso espaço disponível para a imaginação.  



Escrito por AnaGon às 20h40
[ ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Afrodite
 Lemniscata
 Fel
 Macacos
 Helô Reis
 The Chatterbox