Do Imaginário


BRUNA, A CINDERELA TRASH

                                                     

A matéria no jornal diz que é a história de menina que se transforma em mulher. Pode ser. Parece até bonito.                

Mas, não tenho intenção de assistir ao filme. Os antecedentes da personagem principal e o possível caráter do filme estariam em trigésima prioridade nestes tempos em que o tempo se faz escasso e as tarefas se multiplicam.

Mas, a mesma matéria jornalística diz outras coisas.   Por exemplo, Luiz Zanin Oricchio, comentarista  de cinema, assim descreve as fases da narrativa arrítmica, segundo ele: iniciação, sucesso, apogeu, desregramento e declínio. "Depois", segue ele, balanço de vida e ponto de equilíbrio". Uma história de guerreira. Bom, devo dizer que mesmo assim, o discurso não me convence.   

O que me chamou a atenção foi uma das falas de Deborah Secco que faz o papel de Bruna na entrevista da matéria, dizendo a respeito das mulheres que fazem programas sexuais na região da Luz: "E vi que o que é errado para mim é o que ela consegue fazer para sustentar um filho. Que direito tenho de falar: ´Não faça´? As pessoas não são o que querem ser. São como conseguem. E isso é triste. E eu parei para pensar que  também não sou o que quero. Sou o que consigo. Somos o melhor que conseguimos ser. "

A conclusão da frase ficou em mim, bateu forte.

Concordei com ela. É, Deborah, somos o melhor que conseguimos ser. Apenas isso. Na vida, em geral, somos levados pelas circunstâncias externas e nossos desejos mais íntimos não são realizados. Inúmeras razões pesam nessa situação.

Se pensássemos mais nessa condição limitada que vivemos todos, poderíamos diminuir os atritos, por exemplo. Poderíamos rever muitas de nossas decisões e comportamentos.        

Ainda assim, não verei o filme. Essa reflexão que me fez bem, é da Deborah Secco, possivelmente tirada no processo de construção de sua personagem.  Isso basta para mim.

Que Raquel Pacheco (a Bruna/ Cinderela) tenha muito sucesso e condições para melhores escolhas em sua vida.

 

 



Escrito por AnaGon às 22h33
[ ] [ ]


[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 
Histórico


Votação
Dê uma nota para
meu blog



Outros sites
 Afrodite
 Lemniscata
 Fel
 Macacos
 Helô Reis
 The Chatterbox